Colorização de uma capa

Acho que eu já disse em algum lugar, talvez aqui mesmo, que gosto realmente de fazer quadrinhos institucionais. Esse desenho foi para ilustrar a capa de um do mais recentes que fizemos no estúdio, mas não foi totalmente aproveitado. Na capa que foi impressa, houve uma modificação na personagem feminina e o cenário que desenhei foi apagado, ficando a arte sem fundo. Mas eu gosto desse desenho, e tive vontade de colorir essa capa (a que foi impressa não fui eu que colori), usando o desenho original que fiz. Olha aí como ficou. 🙂 Continuar lendo Colorização de uma capa

O Pinterest e o Slane

De tempos em tempos o Pinterest me manda notificações para mostrar quais foram os meus pins mais salvos pelo povo da internet, e adivinhe só. A figura que está sempre presente nessas notificações é o Slane! Mais especificamente, o PDF com a HQ dele.   O tempo passa, o tempo voa, a poupança Bamerindus já se foi numa boa, e o Slane segue firme e forte, não importa o quanto eu o ignore hoje em dia.   O Tony Fernandes, meu editor na época em que o Slane foi publicado, me dizia que os leitores gostavam do personagem “porque ele … Continuar lendo O Pinterest e o Slane

Antes de criticar…

Vinha andando pela rua hoje à tarde, em meus caminhos intranquilos, quando passei perto de um carro mui pitoresco. Não me pergunte que carro era, não conheço nada além de fusca. Era um carro pequeno, de modelo um tanto antigo, com as rodas rebaixadas. Parecia ter sido personalizado (é tunado que fala, né?) pelo Falcão, com algumas dicas de decoração do Tiririca. Eu já ia rir, quando fui repreendido pelo severo aviso estampado na janela traseira do carro: “Antes de criticar meu carro, termine de pagar o seu!”. Como ando de ônibus e não tenho absolutamente nenhum carro, concluí que … Continuar lendo Antes de criticar…

Bruce

Essa ilustração eu fiz pro Bruce, um gato filhote que foi resgatado pela minha vizinha há um tempo atrás e que ela deixou aos nossos cuidados, porque não podia ficar com ele. Infelizmente, nós o perdemos também. Era muito pequeno (devia ter cerca de um mês) e estava doente. Quem já resgatou um filhote abandonado sabe como é extremamente difícil mantê-los vivos. Bruce tinha o rabinho bem curto, não sei se nasceu assim ou se o cortaram (do ser humano, espero qualquer coisa). Poderia ser considerado um defeito, mas Bruce era perfeitinho do jeito que era. Continuar lendo Bruce

Valentina

Essa é a Valentina. Tenho uma história de amor à primeira vista com ela. Que não sei se é correspondido, mas eu gosto de pensar que é. 🙂 Valentina chegou aqui do nada, numa tarde. Achei ela tão graciosa e com um miado tão lindo que me apaixonei imediatamente. Comecei a alimentá-la todos os dias e ela passou a viver um bom tempo aqui em casa. Depois que a castramos, ela voltou a viver na rua, num terreno aqui do lado. Nunca mais quis voltar pra casa. Ainda assim, sempre a vejo durante o dia. Principalmente de manhãzinha e à … Continuar lendo Valentina